Área Restrita Novo


Empresas do Simples não precisam pagar contribuição social em demissões sem justa causa

Zloti Informativo 08/2017 n.º 330

O Informativo sucinto e pontual da Zloti

 

 

 

      

        Apesar de a Lei Complementar nº 110/2001 instituir a contribuição social devida pelos empregadores em caso de demissão de funcionários sem justa causa, a Lei do Simples Nacional (LC 123/2006) isenta a empresa de recolher o adicional de 10% sobre o montante de todos os depósitos devidos referentes ao FGTS durante a vigência do contrato de trabalho.

        Segundo o artigo 13º da Lei do Simples Nacional, as pequenas e médias empresas estão amparadas a recolher através de guia única apenas os tributos IRPJ, IPI, CSLL, COFINS, PIS/Pasep, CPP, ICMS e ISS, estando dispensadas do pagamento de demais contribuições instituídas pela União, “inclusive as contribuições para as entidades privadas de serviço social e de formação profissional vinculadas ao sistema sindical, de que trata o artigo 240 da Constituição Federal, e demais entidades de serviço social autônomo”.

        O Tribunal Regional Federal da 4ª e da 1ª Região tem julgado processos a favor dos contribuintes e determinado a restituição do valor pago indevidamente nos últimos cinco anos.

 

Fonte: Jusbrasil

 

 

 

 

www.zloti.com.br                      zloti@zloti.com.br

 

Unidade I – Rua Marapuama, 107 – Alto da Lapa – São Paulo – SP

 




Luciana Ribeiro


   
  Publicações anteriores
Alterações no texto final do Refis da Copa
A publicação da MP 651/2014 no Diário Oficial da União do último dia 10 trouxe algumas das já esperadas alterações em relação ao texto original anunciado durante a Copa do Mundo.

 
Estão valendo as novas regras para trabalho temporário
Já estão vigorando desde o início deste mês as regras para o trabalho temporário estabelecidas pela Portaria nº. 789/2014 do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

 
Empresas devem começar a se preparar para ECF
Apesar de a entrega da Escrituração Contábil Fiscal (ECF) só começar a valer em julho do ano que vem, é importante que as empresas comecem a se estruturar para mais esta obrigação acessória.

 
Penalidades da Lei das Domésticas começam a ser aplicadas em agosto
Quem não se adaptar à Lei das Domésticas estará sujeito às penalidades a partir do próximo dia 7. A lei, que equipara os trabalhadores domésticos aos demais da CLT, já está em vigor e aguardava somente a san

 
Projeto pretende mudar regra de contribuição previdenciária em contratos com MEI.
Está em tramitação na Câmara dos Deputados o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) nº 1.473/14, que desobriga parte dos contratantes de serviços prestados por microempreendedor individual (MEI) de recolher tributos à Prev

 
DCTF de maio pode ser apresentada em agosto
A Receita Federal, por meio da Instrução Normativa (IN) RFB nº 1.478/2014, publicada no Diário Oficial da União de 8 de julho, alterou dispositivos da IN nº 1.110/2010.

 
Obrigatoriedade de valor de tributos em nota fiscal só em 2015.
Mais uma vez o governo adiou a obrigatoriedade às empresas de informar os tributos nos documentos fiscais ao consumidor final.

 
União, Estado e Município entram em acordo para agilizar abertura e fechamento de empresas
União, Estado e Município assinaram em junho um protocolo de intenções com o objetivo de agilizar a abertura e o fechamento de empresas

 
Venho fazer um pedido, encarecidamente.
Os prazos estão cada vez mais curtos, não queremos que vocês paguem multas ou tenham problemas com qualquer irregularidade gerada na empresa

 
Venho fazer um pedido, encarecidamente.
Os prazos estão cada vez mais curtos, não queremos que vocês paguem multas ou tenham problemas com qualquer irregularidade gerada na empresa..

 
  Em Exibição: 111-120
    Página: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54 55 56 57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67
 
 
Rua Marapuama, 107 - Alto da Lapa - São Paulo
Telefone: 11 - 3835-7679
contato@zloti.com.br